Nome da Foto
Araracanga. Foto: Haroldo Palo Jr.

Notícias

12 jul 2017
Institucional

Você tem uma Solução Baseada na Natureza? Participe da nossa chamada de casos.

Propostas devem ser inovadoras e trazer formas de resolver demandas reais, identificadas nos setores público ou privado.

​Parques urbanos podem ser exemplos de Soluções Baseadas na Natureza. 
Crédito: Divulgação. 
É possível enfrentar os diversos problemas existentes em nossa sociedade tendo a natureza como parte da solução. Por isso, a Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza e o Centro de Estudos em Sustentabilidade da FGV (GVces) lançam hoje a “Chamada de Soluções Baseadas na Natureza”. As propostas podem ser cadastradas por meio deste link​ e até 15 de agosto, em duas categorias: iniciativa implantada e iniciativa ainda não implantada ou em fase inicial de implantação.

Podem participar empresas, governos, sociedade civil ou universidades, com propostas que apresentem a solução de um problema real, que sejam principalmente baseadas na natureza, em qualquer setor da sociedade. “As propostas devem mostrar ações inspiradas na própria natureza que resolvam desafios ambientais, sociais e econômicos. Outro estímulo pode ser transformar os desafios sociais e ambientais em oportunidades inovadoras, tornando o capital natural em fonte de desenvolvimento sustentável”, explica a diretora executiva da Fundação Grupo Boticário, Malu Nunes. É desejável que os resultados sejam impactantes, seja servindo de exemplo ou, de fato, contribuindo para promover mudanças em escala nacional ou global. 

As propostas serão analisadas por um comitê formado por especialistas da Fundação Grupo Boticário, do GVces e outros especialistas convidados. As selecionadas serão divulgadas em uma edição especial e bilíngue (português e inglês) da revista Página 22 - uma publicação especial da FGV voltada para um público interessado nas novidades de mercado e sustentabilidade. O lançamento será em um evento com convidados de diversos setores da sociedade previsto para o mês de dezembro. 

Soluções Baseadas na Natureza
A criação de um parque linear às margens de um rio para evitar enchentes em áreas urbanas, ou a restauração das margens de um reservatório para reduzir o carreamento de sedimentos, gerando redução de custos para a geração de energia, são formas de aplicação de Soluções Baseadas na Natureza (SBN). Um exemplo é a Reserva do Bugio, em Curitiba (PR): além de ser uma Unidade de Conservação e refúgio para a fauna silvestre, o local funciona como uma “esponja” - já que o solo permeável absorve a chuva, fazendo com que ela se infiltre no solo evitando problemas de enchentes urbanas, entre outros benefícios. 


Saiba mais
Para mais informações, acesse o regulamento ​ou este guia​ sobre Chamada de casos. Em caso de dúvidas, escreva para para desafio@fundacaogrupoboticario.org.br.