Nome da Foto
Araracanga. Foto: Haroldo Palo Jr.

Notícias

19 jul 2018
Apoio a Projetos

Bate-papo em webinar destaca como a inovação pode contribuir com a conservação

A transmissão será realizada pelo Facebook com oportunidade de interação por meio de perguntas ou comentários.

Dronequi amplia o alcance e a visão de biólogos que antes dependiam apenas de binóculos para acompanhar a espécie. 
Créditos: Divulgação ​
Na próxima terça-feira (24/07), às 19h, a Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza promove um webinar sobre o 2º Edital de Apoio a Projetos de 2018, na página do Facebook da instituição. Com destaque para a nova linha temática “Soluções para a Conservação”, a transmissão vai reunir participantes de diferentes áreas de atuação em um bate-papo sobre como novas tecnologias ou inovações podem ajudar a fazer mais pela natureza.

“Com o webinar teremos a chance de mostrar como todos podem usar seu trabalho e conhecimento a serviço da conservação. Muitas vezes as pessoas acreditam que apenas biólogos ou tecnologias avançadas serão diferenciais importantes, mas na verdade, uma solução para economizar recursos em uma expedição em campo, por exemplo, pode representar uma inovação”, explica Janaina Bumbeer, analista da Fundação Grupo Boticário, que representa a instituição no webinar.

A transmissão terá a participação de Valentine Rossigneux, analista de Redes de Inovação do Grupo Boticário. Em sua participação, ela vai contextualizar como soluções inovadoras deixaram de ser aplicadas apenas no ambiente corporativo e hoje têm possibilidades em cenários diversos, incluindo a natureza.  

Para mostrar como a relação entre inovação e conservação acontece na prática, o pesquisador Fabiano Melo contará um pouco da sua experiência com uma iniciativa apoiada pela Fundação. O “Dronequi” é uma tecnologia que utiliza um drone com câmera termal para ações de conservação dos muriquis-do-norte (Brachyteles hypoxanthus), em Minas Gerais. A iniciativa utiliza o aparelho desenvolvido pela Storm Security para monitorar a população desses primatas ameaçados de extinção.

Ao longo do bate-papo será possível interagir por meio de perguntas ou comentários. Não é necessário fazer a inscrição antecipada e os interessados já podem acessar o evento criado na página do Facebook (https://www.facebook.com/events/1747136142035836/)​